O DEUS DA EQUIDADE!

Mediante a avalanche de postagens e comentários, sobre a atual situação politica do Brasil, e sobretudo pelo fato de que os “profetas” de plantão ressurgiram, neste momento critico em que a Nação atravessa, vaticinando que Deus estaria derramando uma alta dose de juízo sobre a classe politica e sobre os corruptos, abatendo e destituindo autoridades em todas as esferas de poder,  resolvi escrever este post para abordar ainda que em síntese um assunto extremamente relevante e sugestivo para este momento.  Se O Deus da Bíblia é o Deus que age com justiça e equidade,  nunca usa dois pesos e duas medidas (Sl 45.6) e se as Sagradas Escrituras asseveram que o juízo começa pela casa de Deus (1 Pe 4.17), estaria Ele neste momento agindo de modo diferente, trazendo juízo apenas para os ímpios e deixando os pseudos-cristãos impunes? Haja vista o meio cristão evangélico, estar vivenciando uma das suas maiores crises de  todos os tempos, em todos os seus âmbitos? Ou seja, Deus não estaria levando em consideração, o fato de que a Igreja brasileira em sua grande maioria se  afastou do evangelho puro e cristocêntrico, caminhando a passos largos para a apostasia e substituindo a palavra de Deus pelo entretenimento, pelo culto judaizante e pela gama de ídolos gospel que tem se levantado como arautos desse evangelho hibrido e espúrio? Outrossim, e quanto ao sistema eclesiástico falido e cheio de manobras, nepotismo ministerial, porfias por poder e toda a sorte de ardis para que os anseios e necessidades dos tais “´lideres”, sejam realizados, em detrimento do Reino de Deus e da sua justiça, estaria Deus inerte e omisso em relação a isto também? responda quem puder.

Pastor Mauro Alves.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *